Pneumologia

ENTENDA COMO A PNEUMOLOGIA PODE AJUDAR A SUA VIDA

A Pneumologia é o ramo da medicina que cuida especialmente das doenças do pulmões e do trato respiratório (vias aéreas). É direcionada para o diagnóstico e tratamento das enfermidades pulmonares, mas também para a sua prevenção.

Essa especialidade tem se tornado bastante procurada em função dos diversos problemas pulmonares causados, principalmente, pela poluição e pelo uso de cigarros.

Dessa forma, o médico pneumologista é o profissional habilitado para diagnosticar, tratar e orientar quando você apresentar algum sintoma respiratório, como tosse, falta de ar, chieira no peito, dor no peito, cansaço, roncos, entre outros.

Principais patologias abordadas pela
pneumologia

  • • Gripe
  • • Asma
  • • Pneumonia
  • • Tuberculose
  • • Enfisema e bronquite crônica
  • • Bronquites agudas
  • • Bronquiectasias
  • • Câncer de pulmão
  • • Fibrose pulmonar
  • • Insuficiência respiratória
  • • Embolia pulmonar
  • • Doenças da pleura
  • • Tabagismo
  • • Apnéia do sono
  • • Fibrose cística
  • • Pré operatório pulmonar

O aparelho respiratório é constituído pelas vias aéreas superiores e inferiores.
As vias aéreas superiores são formadas por órgãos localizados fora da caixa torácica: nariz externo, cavidade nasal, faringe, laringe e parte superior da traquéia.

As vias aéreas inferiores consistem em órgãos localizados na cavidade torácica: parte inferior da traquéia e pulmões (brônquios, bronquíolos e alvéolos).

As camadas das pleura e os músculos que formam a cavidade torácica também fazem parte do trato respiratório inferior.

Nariz: Situa-se no centro do rosto e a parte exposta recebe o nome de nariz externo e o interior recebe o nome de cavidade nasal.

A faringe tem dois tipos de função: conduzir o ar e os alimentos; por isso, pertence a dois sistemas, o digestório e o respiratório. Existe uma glândula que separa para onde vai o alimento e o ar, a epiglote. Ela tampa a laringe a fim de que não entre comida nos pulmões.

A laringe é responsável pela condução do ar. É o local onde ficam as cordas vocais. Dessa forma, se torna órgão importante para a fala.

A traqueia consiste em um tubo com vários anéis de cartilagem. Ela conduz o ar pelo tórax e bifurca na região inferior, formando os brônquios, que levam o ar aos pulmões

Os brônquios, originados pela ramificação da traqueia também se dividem em várias partes e geram os bronquíolos. No final de cada bronquíolo, aparecem os sacos de ar, chamados alvéolos, cuja função é a troca de oxigênio e dióxido de carbono (gás carbônico) por meio da membrana capilar alvéolo-pulmonar.

Dentro da traqueia, brônquios e bronquíolos, há os cílios, responsáveis pela limpeza do sistema respiratório.

A região inferior da traqueia e todas as suas ramificações (brônquios, bronquíolos e alvéolos) ficam dentro dos pulmões. Os pulmões possuem uma “capa”, que é a pleura (formada pela pleura visceral e pleura parietal). Entre elas há um espaço virtual, que se enche de líquido (derrame pleural), quando há alguma inflamação pleural.